Dentes do juízo, você já ganhou os seus?

14/01/2015 às 12h01

Eles surgem por volta dos 16 aos 25 anos e ainda fazem muita gente perder o sono. Em casos raros, o dente nasce harmoniosamente e a retirada não é necessária. Porém, grande parte das pessoas tem problemas. Localizados lá no fundo da boca, eles são alvo de muita polêmica.  

Saiba mais sobre os chamados “dentes do juízo” com o Dr. David Alcântara de Oliveira Pita, Cirurgião Dentista/Especialista em Cirurgia e Traumatologia Buco Maxilo Facial.

O que são dentes do siso?

David Pita: São os últimos dentes de cada lado dos maxilares. São também conhecidos como dentes do juízo ou terceiros molares e são os últimos dentes a nascer.

É possível saber antes mesmo do dente do siso nascer se a pessoa vai tê-lo?

David Pita: É possível saber antes mesmo de os dentes do siso nascerem se a pessoa vai ou não tê-los, quantos serão, se causarão algum problema ou se poderão permanecer. Para isso, o paciente deverá procurar o dentista, onde será encaminhado para realizar exames radiológicos a fim de diagnosticar a presença dos mesmos e suas condições. É importante que o diagnóstico seja precoce e o estudo da remoção seja feito o quanto antes.

Todos devem extrair os dentes do Juízo?

David Pita: Nem todos. Como os dentes do juízo são os últimos dentes permanentes a aparecer, geralmente não há espaço suficiente em sua boca para acomodá-los. Isto pode fazer com que os dentes do siso fiquem inclusos - dentes presos embaixo do tecido gengival por outros dentes ou osso, ou podendo causar inchaço ou dor.

 

Como são extraídos os dentes do siso?

David Pita: A extração se faz de forma rotineira. Seu dentista pode recomendar anestesia geral ou local. Após a extração do dente (ou dentes), você precisará morder suavemente um pedaço de gaze durante 15 a 30 minutos após deixar o consultório, para estancar qualquer sangramento que possa ocorrer.

Você poderá sentir um pouco de dor ou inchaço, mas que passará naturalmente após alguns dias; no entanto, você deverá ligar para seu dentista se houver dor prolongada ou intensa, inchaço, sangramento ou febre.

A extração dos dentes do siso devido ao apinhamento ou fato de estarem inclusos no osso maxilar não afeta a sua mordida ou a sua saúde bucal no futuro.

Pode ocorrer algum problema após a cirurgia?

David Pita: É preciso certificar-se que é um bom cirurgião dentista (Especialidade de Cirurgia Buco Maxilo Facial) que fará sua cirurgia. Pois um erro cirúrgico pode cortar os nervos e causar perda de sensibilidade. No caso da língua, apesar de não haver paralisia, a sensibilidade não volta nunca mais.

A pessoa fica com a face inchada depois da extração do siso?

David Pita: O inchaço é inevitável. Ele só vai depender de como estava à posição do dente durante a cirurgia, mas é inevitável em qualquer caso, pois se trata de um procedimento delicado.

Depois de retirar o dente do siso é preciso repousar? Quais as orientações?

David Pita: A retirada do siso nada mais é do que um procedimento cirúrgico e, por isso, é necessário que o paciente faça repouso por pelo menos três dias. 

A pessoa deve escovar os dentes normalmente, com exceção da região onde foi realizada a cirurgia. Como foi feito um procedimento delicado, deve haver cautela ao passar a escova por essa região. É importante fazer uso de enxaguatórios bucais.

É muito importante dizer ao profissional se você tem alguma doença, qualquer que seja, e avisar se está tomando qualquer tipo de medicamento. Esconder uma informação importante nesse momento pode ser muito custoso.

A relativa facilidade com que um dente siso é removido vai depender de várias condições, incluindo a posição do dente e o tamanho das suas raízes. Um siso parcial ou totalmente impactado exigirá um procedimento cirúrgico mais delicado e preciso.

Faz-se importante o uso de compressas com gelo que ajudam a diminuir o inchaço e outras medicações (antibióticos, antiinflamatórios e analgésicos) podem ser prescritas pelo profissional.

Você também receberá instruções para alterar a sua dieta nos dias que seguem à cirurgia. Geralmente, após a remoção de dentes inclusos, uma dieta mais branda e a suspensão das atividades físicas (exercícios) que não são recomendadas pelo período de uma semana.