Laserterapia melhora a qualidade de vida dos pacientes em tratamento de câncer

30/11/2016 às 10h11
Fonte e imagem internet

O tratamento para o câncer pode ser feito em três modalidades separadas, complementares ou em combinação, chamadas cirurgia, radioterapia e quimioterapia. Alguns tipos de quimioterápicos podem causar na boca feridas conhecidas como mucosite, que vão desde uma leve ardência até casos mais graves onde feridas se abrem por toda a boca, impossibilitando o paciente de se alimentar ou até mesmo beber água. Além disso é muito comum no tratamento, o paciente desenvolver a candidíase na boca, um tipo de fungo que pode causar um leve desconforto e evoluir para uma ardência. O mesmo ocorre em pacientes em tratamento de radioterapia na região de cabeça e pescoço. Esses além da mucosite e candidíase experimentam a xerostomia, que nada mais é que a diminuição da saliva na boca, dificultando sua alimentação. Vários são os fatores que podem agravar a mucosite, por isso a avaliação do dentista antes do tratamento oncológico é indispensável para o paciente passe por esse tratamento com a melhor qualidade de vida possível.

Com o desenvolvimento das tecnologias surgiu o Laser de Baixa Potência que fornece ao paciente um tratamento denominado de fototerapia, onde a luz absorvida auxilia na cicatrização dos tecidos e no controle da inflamação, resultando em diminuição da dor do paciente. Essa terapia tem sido amplamente relatada em estudos científicos e utilizada em grandes centros de tratamento de paciente com cancer no controle da mucosite e atenuando a xerostomia. Também com o Laser de Baixa Potencia se tem feito a Terapia Fotodinâmica (PDT) para controlar as infecções como candidíase. No caso das cirurgias a laserterapia auxilia acelerando o processo de cicatrização.

Qualquer tratamento com Laser de Baixa Potência não causa dor, sendo seguro e de aplicação rápida, devendo ser sempre feita por profissional laserterapeutahabilitado. Para maiores informações pode se acessar o site www.oralhealth.odo.br.

Dra. Lia Mizobe Ono

lia@oralhealth.odo.br