O estresse descontado nos dentes

8/07/2017 às 07h07
fonte e imagem internet

Se você tem dores de cabeça, na mandíbula e nos músculos da face, isso pode ser bruxismo: que é uma desordem funcional que se caracteriza pelo ranger ou apertar dos dentes durante o dia ou, mais frequentemente, ao dormir. Tudo isso pode acarretar lesão óssea, na gengiva, na articulação da mandibular (ATM), a  quebra e até mesmo perda dos dentes.

As possíveis razões físicas ou psicológicas para esse distúrbio podem ser:

- Sensação de ansiedade, estresse, raiva, frustação ou tensão;

- Alinhamento anormal dos dentes superiores e/ou inferiores (má oclusão);

- Outros problemas do sono, como apneia do sono;

- Respostas à dor de ouvido ou dor de dente (principalmente em crianças);

- Refluxo do ácido estomacal para o esôfago e para a boca;

- Efeito colateral incomum de alguns medicamentos psiquiátricos, tais como alguns antidepressivos;

Na maioria das vezes, a pessoa só sabe que é portadora de bruxismo se alguém lhe contar o que presenciou enquanto dormia ou quando procura assistência médica ou odontológica, porque os sintomas já se instalaram. 

Os recursos mais indicados para o tratamento são as placas interoclusais flexíveis de silicone ou as placas rígidas de acrílico. Elas ajudam a restringir os movimentos dos músculos mastigatórios e a reduzir o atrito que provoca o desgaste e o abalo dos dentes.

E como nova técnica, utiliza-se aplicações da toxina botulínica para alívio das dores e relaxamento muscular.

Recomenda-se consultar seu Cirurgião-Dentista com regularidade.